DESODORANTE NATURAL

Receita leva apenas 3 ingredientes: água, leite de magnésia e essência

Abolimos o uso dos desodorantes e antitranspirantes industrializados a mais de um ano atrás. E foi uma das melhores coisas que fizemos em prol da nossa saúde. Nessa época o Robson começou a sentir uma dor nas axilas, ele sentia dores musculares na região e irritação interna, como se algo por baixo da pele estivesse inflamado. Procuramos dois dermatologistas e um clínico geral, e o diagnóstico foi indefinido e como nenhum foi assertivo em resolver o problema, o Robson começou a pesquisar sobre as possíveis causas e depois ler artigos, matérias e pesquisas chegou a conclusão que o grande responsável pelo desconforto dele (e nossa preocupação em ser algo grave), era o desodorante!

Os desodorantes industrializados contém substâncias prejudiciais a nossa saúde e ao meio ambiente. Entre elas estão:

Cloridróxido de alumínio (e suas variações em cloreto e cloridrato): adstringente composto de ácido clorídrico e alumínio metálico, que libera H₂ gasoso, atua diretamente nas glândulas sudoríparas, bloqueando a saída do suor e assim evitando a presença das bactérias que produzem o mau cheiro. Quanto mais potente for o antitranspirante, mais alumínio ele contém na sua fórmula. Ainda não existem comprovações dos malefícios causados pelo alumínio mas já existem pesquisas que apontam que a longo prazo, o acúmulo de alumínio no corpo pode fazer mal à saúde, uma vez que ele é absorvido pelo seu corpo, não é mais eliminado. Além disso, por impedir a saída da transpiração, pode causar inflamações nos poros das axilas.

Parabenos: compostos químicos com efeito de conservante, os quais já foram encontrado em células cancerígenas, amplamente utilizados em cosméticos. Alguns estudos apontam que o consumo de produtos que contém essa substância podem causar alergias cutâneas e o possível envelhecimento precoce da pele. Outras pesquisas indicam que ele interfere no sistema endócrino, já que apresenta uma atividade estrogênica, e portanto é considerado um disruptor endócrino.

Triclosan: é um agente antifúngico e antibactericida, mas pesquisas demonstram que ele tem efeito nocivo ao nosso fígado, podendo causar graves danos como a fibrose hepática e até câncer. Também já foi apontado como um disruptor endócrino, ou seja, responsável por interferir na função hormonal da tireóide e dos hormônios reprodutivos.

BHT e BHA: são conservantes e antioxidantes, atuam inibindo o crescimento de microrganismos impedindo a oxidação e sequestrando radicais livres. Pesquisas indicam que o BHT não tem efeito carcinogênico no corpo humano, porém o BHA já foi relacionado a doença.

E você deve estar se perguntando qual desodorante usamos afinal? Já testamos algumas receitas, e seguimos testando outras para contar para vocês a nossa experiência com cada uma delas. A nossa preferida e a que mais usamos é essa:

 

Receita Original do Desodorante Natural (fonte Bela Gil)
  • 1/2 xícara (120ml) de leite magnésia
  • 1/4 xícara (60ml)  de água
  • 1 colher de chá de óleo essencial de sua preferência 
 
Adaptação da receita para ficar mais consistente e de melhor aplicação
  • 175ml de leite de magnésia 
  • 60ml de água
  • 1 colher de chá de óleo essencial (nosso preferido é Lavanda)

 

Nós misturamos tudo num pode de vidro e usamos como recipiente o frasco do Leite de Magnésia mesmo, vamos reaproveitando os frascos. Você pode colocar uma pequena quantidade na mão e aplicar nas axilas, ou aplicar direto com o frasco. E claro se preferir, use um borrifador. 

 

 

Fontes:
 
 

Siga nossos Pés Descalços

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOP
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial