AS TINY HOUSES SOBRE RODAS TEM NOME, SABE POR QUE?

Quando se fala em Tiny House a primeira coisa que vem na cabeça são as mini casas sobre rodas, mas o termo Tiny House também é usado para as mini casas fixas.

O que determina se é uma Tiny House ou não, é o seu tamanho e estilo de vida que ela proporciona, e não apenas a forma como foi construída.

A grande maioria dos moradores de Tiny Houses optam por casas sobre rodas porque buscam ter o estilo de vida do Tiny Living, ou seja, querem ter uma casa prática e funcional, com baixo custo de vida, baixo impacto ambiental, e claro a liberdade que só uma casa móvel proporciona.

Uma das grandes curiosidades no mundo das mini casas sobre rodas é o fato delas terem um nome, já que não tem endereço fixo com nome de rua e número da casa. 

A  grande maioria dos moradores de Tiny Houses sobre rodas não tem e não querem comprar um terreno próprio, pois muitos buscam além de um estilo de vida minimalista, buscam liberdade.

Eles alugam uma área, uma vaga nos Campings ou o quintal de amigos e parentes para estacionar a mini casa e morar. Já que sobre as Tiny Houses sobre rodas não incide o IPTU, isso não afeta o dono do terreno com alteração do imposto. 

E por falar em numeração das casas, você sabia que o número da sua casa ou prédio geralmente representa a distância que está em relação a um marco, que pode ser o início da rua ou um ponto importante da cidade. Aqui no Brasil boa parte das ruas utilizam o número das casas para marcar o início da rua, sendo de um lado os números pares e do outro os ímpares.

Mas as Tiny Houses móveis não tem um local fixo, portanto essa regra de numeração das casas comumente utilizada no mundo, não se aplica a elas. 

Seguindo então essa linha de pensamento, e nos inspirando em outras Tiny Houses que tem seu nome próprio, escolhemos um nome para a nossa.

Veja alguns exemplos de Tiny Houses e seus nomes. Essa primeira é a Tiffany, e é uma das que visitamos pessoalmente nos EUA. Se você quiser conhecer ela por dentro, acesse aqui o vídeo tour que fizemos e a entrevista com o Adam que foi quem a construiu.

tiny house on wheels

Tiny House Tiffany

 

Essa aqui é uma das nossas favoritas em design externo e interno, acabamos não seguindo essa linha deles, porque ela tem apenas 1 mezanino e no nosso caso queríamos 2. Um para o quarto das crianças e outro para o nosso quarto.

mini casa sobre rodas linda de madeira

The Best Little House in Texas

 

A SHED Tiny House, que também amamos o design interno dela, super prática, funcional e minimalista.

mini casa sobre rodas sustentavel

SHED Tiny House


Essa toda de madeira com a porta azul é a Pera Tiny House, que foi recebeu o sobrenome de sua construtora e dona, a Lee Pera. Ela foi uma das instrutoras de um dos cursos que fizemos nos Estados Unidos e também tivemos a oportunidade de conhecer de perto e gravar uma entrevista com a Lee. Veja mais fotos e assista o vídeo com legendas em português.

casa movel sobre rodas de madeira

Pera Tiny House

E essa com o design super diferente e inovador, é do projetista e construtor Zil Vardos, e recebeu o nome de Fortune Cookie, ou Biscoito da Sorte em português.

design inovador, arquitetura inovadora, telhado redondo

Fortune Cookie Tiny House

Para escolher o nome da nossa Tiny House foi um processo que levou algum tempinho, levamos algumas questões em consideração. A nossa Tiny House foi construída com design exterior baseado em dois projetos que adoramos. O modelo Pacific Gateway da fabricante Handcrafted Movement

cabana, chale, casa movel

Pacific Gateway da Handcrafted Movement

 

E as cores e estilo da Tiny House Basics

casa conceito

Tiny House Basics

No design interior da nossa Tiny House, escolhemos a predominância da cor verde que é a preferida do Robson, combinando com tons de madeira e o branco. Pensamos em algum nome de frutas como Cacau ou Caju, pensamos também em usar nomes e expressões em Tupi Guarani como Oka que é a tradicional cabana indígena, ou Tekoá que significa significa aldeia / lar / casa / tribo / família.

Passamos então para as árvores mas nenhum nome tocou fundo no nosso coração. Com a definição final das cores externas, o azul com o painel marrom escuro e a porta amarela, somados ao verde nos detalhes do interior percebemos que sem querer estávamos representando as cores da nossa bandeira nacional. Por ser a primeira mini casa sobre rodas legalizada do Brasil, decidimos então que o seu nome deveria homenagear o nosso país e a nossa abundante natureza.

Veio então a idéia de nos inspirar em algum animal que tivesse um forte significado para nós e que assim como a nossa Tiny House, carregue as cores nacionais. Depois de várias pesquisas decidimos homenagear a Arara Azul, uma das maiores aves brasileiras, e nomear a nossa Tiny House de Araraúna.

Suas penas azul-escuras fazem com que, de longe, pareça preta. Por esse motivo que ela também é conhecida como arara-preta ou arara-una (sendo “una”, negro em Tupi).

Os motivos dessa escolha são vários. Primeiro porque as Aves para muitos de nós são símbolo de liberdade, de migração e de poder ver tudo com uma visão mais ampla e vasta. 

Segundo porque para essa ave o seu ninho é considerado um lugar sagrado. Assim como é a tiny house para nós.

Terceiro porque são aves sociais e que geralmente são encontrados em grupos. E nós adoramos isso também.

Quarto lugar porque são aves que gostam de emitir sons, cantar e imitar a nossa fala. Quando convivem com humanos, elas aprendem palavras do nosso idioma e se comunicam conosco.

Em quinto lugar porque ela ocupa várias áreas do território nacional e países vizinhos, assim como queremos que as Tiny Houses se espalhem. São encontradas na Bolívia e Paraguai e no Brasil com maior frequência é possível observá-la na Amazônia, no Pantanal Mato Grossense, na Bahia, Goiás, Minas Gerais, Maranhão, Pará, Piauí e Tocantins. Conhecemos uma que vive no interior de São Paulo e essa semana nosso amigo avistou uma perto da Capital Paulista. 

E em sexto lugar mas não menos importante, claro, por causa das cores que essa Ave lindíssima exibe. 

Suas penas são da cor azul-cobalto. Além das chamativas penas azuis, o tom amarelo aparece em algumas regiões da cabeça dessas aves, o que dá uma notoriedade a mais para esse belo animal. O amarelo aparece também ao redor dos olhos, nas pálpebras, na pele em torno da mandíbula.

Depois de todas essas informações sobre essa Ave linda, e de ver nela as cores da nossa Tiny House, não tinha como não homenageá-la.

Sejam bem vindos a Araraúna Tiny House.

siga o pés descalços

Posts Relacionados

 

UMA HORTA PORTÁTIL PARA UMA MINI CASA MÓVEL

UMA HORTA PORTÁTIL PARA UMA MINI CASA MÓVEL

Cultivar uma horta não é só sobre ter alimentos naturais e sem agrotóxicos, é sobre cultivar paz, equilíbrio e conexão com a natureza.   Cada vez mais as pessoas estão ampliando a consciência sobre os benefícios de uma alimentação saudável e natural, livre de...

COM QUE CARRO REBOCAR A TINY HOUSE NO BRASIL?

COM QUE CARRO REBOCAR A TINY HOUSE NO BRASIL?

Você já deve ter se perguntado se o seu carro conseguiria rebocar uma Tiny House, ou que carro você precisaria para rebocar uma mini casa sobre rodas. Quando vemos os vídeos americanos, geralmente elas são puxadas por aquelas camionetes robustas e lindas, mas e aqui...

Pin It on Pinterest

Share This